A Libertadores de 2018 é uma competição que promete muito em termos de emoção e rivalidade entre as equipes. A busca pelo troféu continental é um dos principais objetivos dos clubes da América do Sul, e neste ano não será diferente.

Entre as principais equipes que disputarão a Libertadores, podemos destacar o atual campeão, o Grêmio, que busca o bicampeonato, e os tradicionais River Plate, Boca Juniors, Santos e São Paulo, que contam com torcidas apaixonadas e forte presença na historia do torneio.

O Grêmio, liderado pelo técnico Renato Portaluppi, é sem dúvida uma das equipes mais fortes na competição. Além de contar com jogadores experientes como Geromel, Maicon e Luan, o tricolor gaúcho tem um estilo de jogo envolvente e tático, que lhe rendeu o título de campeão em 2017.

Outra equipe que promete dar trabalho na Libertadores é o River Plate, da Argentina. Com um histórico de tradição e raça, o time liderado por Marcelo Gallardo conta com jogadores de peso como Ponzio, Enzo Pérez e Pratto, além de uma torcida apaixonada e fiel.

O Boca Juniors também entra na disputa como um dos favoritos. Liderado por Tévez, o time xeneize busca o seu sétimo título na competição e conta com um elenco experiente, que mescla jogadores consagrados como Buffarini, Gago e Pablo Pérez com jovens talentosos como Pavón e Cristian Pavón.

Além dos tradicionais argentinos, Santos e São Paulo também podem surpreender nesta edição da Libertadores. O time da baixada santista, comandado pelo técnico Jair Ventura, conta com um elenco jovem e talentoso, que pode fazer a diferença nos jogos decisivos. Já o São Paulo, mesmo com a recente crise institucional, tem como trunfo o seu histórico vitorioso na competição e a presença de jogadores experientes como Diego Souza e Hernanes.

Apesar das equipes supracitadas serem consideradas as favoritas, é importante destacar que muitas outras equipes também têm potencial para surpreender na competição. Flamengo, Palmeiras, Nacional, Independiente e Racing são algumas das equipes que também podem chegar longe na Libertadores de 2018.

Em suma, a Libertadores de 2018 promete grandes jogos, rivalidades acirradas e muita emoção. A competição é um verdadeiro desafio para as equipes envolvidas, bem como para os torcedores que acompanham cada lance do torneio mais importante do continente sul-americano. Resta agora aguardar os jogos e torcer para que o melhor time vença.